Mandiopã Verdade ou Mito


Mandiopã é um salgadinho feito a base de fécula de mandioca, de aparência limpa e higiênica, o que nos dá certeza do que estamos consumindo.

  Foi o primeiro salgadinho fabricado no Brasil.

Rico em amido e carboidratos, fez grande sucesso nas décadas de 80 e 90.

Foi relançado no mercado e vem conquistando novos consumidores, que procuram um produto de qualidade e excelência. Os que já conhecem estão radiantes de alegria, pois sempre foram apaixonados por este quitute saboroso e saudável.

Depois de um sucesso estrondoso, começaram boatos que o Mandiopã tinha  fama de ser encharcado de óleo; uma injustiça sem tamanho! Pois frito da maneira correta, além de ser saboroso e nutritivo, possui vantagens que o qualificam como um petisco de alto nível:

 

- Primeiro, as féculas são extremamente finas;

 - Segundo, a velocidade que elas ficam prontas - não ultrapassa 10 segundos;

 - Terceiro, o mandiopã não fica "nadando" no óleo como a maioria das frituras.


Como podemos ver, apenas estes fatores são suficientes para atestar que o produto tem qualidade em todos os sentidos. Mas como diz o velho ditado: "Gato escaldado na água quente, tem medo da fria" resolvi fazer o teste definitivo:


Teste de consumo de óleo por caixa de Mandiopã:

 

Uma Caixinha de Mandiopã (80g) possui em torno de 150 féculas (sem contar aquelas que se quebram).

Coloquei exatamente 500ml de óleo em uma panela de fritura, (essa quantidade pode parecer exagerada, mas é uma maneira econômica para quem gosta de saborear esta delícia; depois que o óleo estiver frio é só coar e guardar em um vidro devidamente esterilizado e usar quando for preciso).

Bom continuemos! Depois de fritos da maneira correta - como vem especificado nas caixinhas e aqui na sua loja virtual -  esperei o óleo esfriar, coei e coloquei novamente no medidor; para minha surpresa dos 500ml colocados no inicio do processo de fritura, ainda restavam 400ml - sem contar o óleo que fica agregado na panela e na escumadeira -  ou seja, uma caixa de mandiopã absorve menos de 100ml de óleo.

Matematicamente falando, significa que se você dividir 100ml de óleo por 150 Mandiopãs fritos dará exatos 0,66ml por cada mandiopã. Para se ter uma idéia mais clara é uma quantidade tão irrelevante que uma colher de chá contém 5ml.

Depois de colocado no papel toalha, este completará o restante do processo, absorvendo mais óleo, deixando o Mandiopã sequinho e crocante como deve ser.

Os números não mentem, Mandiopã tem os principais adjetivos que toda guloseima deveria ter :


Saboroso, Nutritivo, Saudável, Higiênico e Apetitoso.


Como dizem os entendidos em gastronomia "Para se comer rezando".

Leve para sua família nutrição e sabor. Um bom petisco não precisa ser um coquetel de toxinas.

 


"Santa batata frita de todo dia" 


Uma porção de 100gr de batatas fritas ( 10 palitos ) possui em torno de 274 calorias, destas 274 calorias: 57% é gordura, 37% carboidratos e apenas 6% proteínas.

Bom, 57% de gordura representam mais que a metade do todo... Só em gordura! E tem mais... A grande parte dessa gordura toda é representada por gordura saturada.

Há ainda algumas batatas - daquelas congeladas - que contém muita gordura trans, devido à gordura hidrogenada adicionada, o que garante a crocância, mas também inúmeras doenças cardíacas e até câncer.