https://www.memsuplementos.com/1033-thickbox_default/whey-protein-revita-100-concentrate-900g-sabor-baunilha-cha-mais.jpg Ver ampliado

Whey Protein Revitá 100% Concentrate - Sabor Baunilha 900g - Chá Mais

Whey Protein Revitá 100% Concentrado é um suplemento protéico, fonte natural de proteína de alto valor biológico.

Fonte natural de BCAA (Branched-Chain Amino Acids) nome dado aos aminoácidos de cadeia ramificada. 

Enriquecido com mix de enzimas proteolíticas (enzimas digestivas), que ajudam a potencializar a digestão e absorção dos aminoácidos no intestino.

Mais detalhes

WP-R

Disponibilidade: Disponível

R$ 140,00

R$ 160,00 por 140,00

Informe o CEP para cálculo do frete do produto

Aguardando CEP


Whey Protein Revitá é um produto embasado na mais alta tecnologia: Livre de corantes artificiais; Sem adoçantes artificiais; Livre de conservantes; Não contém aspartame; Adoçado com stévia; Sem açúcar, Sem glúten.

 

A proteína do soro do leite ou WHEY PROTEIN é um dos suplementos mais consumidos por praticantes de atividade física com objetivo de aumento de massa muscular, recuperação muscular e diminuir índice de lesões.

As proteínas do soro de leite são altamente digeríveis e rapidamente absorvidas pelo organismo. Apresentam excelentes quantidades de aminoácidos essenciais e elevadas concentrações dos aminoácidos triptofano, cisteína, leucina, isoleucina e lisina.

O soro do leite passa por diversos processos de filtração, nos quais as gorduras e outros componentes de menor interesse nutricional são removidos, resultando em um concentrado protéico de altíssimo valor biológico.

A forma concentrada da proteína do soro do leite normalmente é obtida por processo de ultrafiltração. Os concentrados apresentam níveis reduzidos de gordura e colesterol.

Em comparação com as outras formas de proteína do soro do leite, têm maior número de compostos bioativos e hidratos de carbono na forma de lactose.

A proteína do soro do leite apresenta-se geralmente em três formas: concentrado (WPC), isolado (WPI) e hidrolisado (WPH).

Efeitos na saúde:

Encontra-se em estudo o uso de proteína do soro do leite na redução do risco de doenças cardíacas, cancro e diabetes. O soro do leite é uma fonte rica em aminoácidos ramificados.

Outro estudo sugere que uma grande quantidade de proteína do soro do leite pode aumentar os níveis de glutationa nas células. A glutationa é um antioxidante defende o corpo contra os danos dos radicais livres e algumas toxinas.

Efeitos na musculação:

Estudos demonstraram aumento da massa magra do corpo em homens que tomavam suplementos de proteína do soro do leite em relação aos que não tomavam qualquer suplemento.

Outro estudo verificou maior aumento de força muscular num grupo que tomava suplementos de proteína do soro do leite em relação a outro grupo que tomava suplementos de caseína.

Há evidências científicas que as proteínas ricas em aminoácidos essenciais, aminoácidos ramificados e, em particular, leucina, estão associadas a uma maior síntese protéica muscular, perda de peso, perda de gordura e a uma menor vida da insulina plasmática e dos triglicerídeos.

BCAA's:

BCAA (Branched-Chain Amino Acids) é o nome dado aos aminoácidos de cadeia ramificada (leucina, isoleucina e valina).

Os BCAA´s constituem até 35% da massa muscular corporal e são indispensáveis para a manutenção e formação dos músculos.

Atuam como importante fonte energética para o músculo durante o estresse metabólico, garantindo máxima performance durante os exercícios físicos.

Possui a concentração ideal de aminoácidos de cadeia ramificada, com ativos de excelente qualidade e máxima pureza.

Reduz a fadiga muscular e melhora a recuperação pós-treino, ou seja, nosso corpo não fica doendo tanto! Ele também ajuda a eliminar substâncias tóxicas como a amônia, sendo utilizado em algumas doenças hepáticas, e atua na produção de outros aminoácidos como o glutamato.

Enzimas Proteolíticas:

Uma cura milagrosa que o monopólio médico dificilmente compartilha com você.

As enzimas são mais importantes do que vitaminas e minerais para a saúde em geral. Sem enzimas, as vitaminas e minerais são inúteis. As enzimas são catalisadores dos processos metabólicos e da digestão.

Podemos  comer  de  tudo  desde que  tenhamos  enzimas. Sem  elas o organismo fica exposto  a todo e qualquer tipo  de inflamação  por causa do‘ lixo’ que se acumulou  na corrente  sanguínea.

As enzimas proteolíticas são as principais ferramentas que o corpo utiliza para “digerir” restos orgânicos nos sistemas circulatório e linfático favorecendo ainda mais a melhora e a estabilidade do processo, promovendo uma limpeza do sangue de detritos.

A stévia (estévia):

A natureza vive nos presenteando, e a stévia é um desses doces presentes para nós. A stévia, é um adoçante natural, não é um aditivo químico, e ajuda no metabolismo do açúcar.

A stévia é um adoçante que é naturalmente baixo em calorias e não aumenta o seu nível de açúcar no sangue, quando consumido. Também conhecido como "sweetleaf", é feita a partir da planta "Stevia rebaudiana", nativa da América do Sul.

Com capacidade de adoçar 300 vezes mais que o açúcar, a planta não possui calorias e é diurética. Seu princípio doce, o glicosídeo, foi isolado na Alemanha em 1908, mas índios Guaranis já a usavam, por conter propriedades medicinais. Sua ação hipoglicêmica estimula a secreção de insulina, reduzindo o nível de glicose no sangue.

A planta também se difundiu do outro lado do mundo, em países como Coréia, Tailândia e Japão. O Japão adotou a planta como adoçante natural há 30 anos e também não produziu registros de efeitos colaterais.

Como se não bastasse, as folhas da Stévia contêm vários nutrientes necessários a uma dieta saudável:

- Sais minerais: Alumínio, Cálcio, Cromo, Cobalto, Flúor, Ferro, Magnésio, Manganês, Fósforo, Potássio, Selênio, Sódio, Estanho, Zinco;

- Vitaminas: Ácido ascórbico (vitamina C), Beta-caroteno (precursor vitamina A), Niacina, Riboflavina, Tiamina (vitaminas do complexo B);

Aspartame o grande vilão:

Na busca por alternativas para substituir o açúcar refinado, muitos produtos foram lançados usando o aspartame como adoçante artificial. Mas essa substância não é uma opção saudável e pode trazer inúmeros malefícios ao nosso organismo.

Na verdade, o aspartame é uma bomba relógio armada para explodir de vez com a saúde! Tontura, fraqueza, dormências e problemas de visão podem sinalizar envenenamento por metanol que pode ocorrer graças ao consumo constante e em longo prazo de produtos com aspartame.

Composto de ácido aspártico, fenilalanina e metanol, o aspartame é diretamente afetado pelo aumento de temperatura. Bastam 30 graus para transformar metanol em formol e ácido fórmico, neurotoxinas que provocam a morte celular.

A exposição crônica ao formol, mesmo em níveis baixos, comprovadamente causa danos neurológicos que podem se tornar irreversíveis se não houver tratamento.

Whey Protein Revitá não contém Aspartame. 

Sugestão de Uso:

Diluir uma (01) colher medida (scoop) em 100ml de água, 2 vezes ao dia ou conforme indicação do médico e/ou nutricionista.

Informações Nutricionais:

Porção: 30g (2 scoops).

Ingredientes:

Proteína concentrada de soro de leite (WPC), aroma idêntico ao natural de baunilha, mix de enzimas proteolíticas, goma xantana (espessante), ácido cítrico (acidulante), glicosídeo de esteviol.

Validade 24 meses a partir da data de fabricação.

Produto isento de registro de acordo a resolução nº 23 de 16/03/2000 e nº 27 de 06/08/2010.